domingo, 1 de abril de 2012


Há quem me chame de velha por bordar, há quem não entenda as razões pelas quais faço isso, há quem não dê valor a estes trabalhos, há quem apenas veja, mas não enxergue sua essência...
Nos dias de hoje, bordar já não é mais uma obrigação das mulheres ou uma disciplina escolar. Bordar é um dom que herdei das mãos magras e vividas de queridas mulheres, que deram graça as suas vidas com flores de delicados pontos e barrados de capricho. Este dom ultrapassa o manuseio dos tecidos e das linhas, ele proporciona a construção de ideias, o entendimento de sentimentos, a fluidez da imaginação, o encontro de mulheres diversas despidas de qualquer forma de julgamento, a experiência, a superação.
Um trabalho introspectivo que faz parte de um todo que se dissipa no mistério do seu sentimento.


Chiara Lenci Viscomi

8 comentários:

  1. Ninguém me chama de velha por bordar! rss É porque já estou (velha!!!) na idade de bordar. Na minha geração - estou surpresa - até os homens estão começando a apreciar o bordado. Vejo isso com meus colegas de ginásio, através da nossa comunidade do Face.

    Chiara, lindo texto, lindo bordado - faltou você! Siga em frente, a despeito da sua pouca idade. Borde a vida, você é muito talentosa.

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  2. Chiara, primeiro me emocionei com seu bordado e agora com seu texto. Beijo!

    ResponderExcluir
  3. Chiara,
    lamentamos sua ausência... seu bordado está belíssimo!
    Beijinhos.
    Olinda

    ResponderExcluir
  4. Eu, mesmo tendo o privilégio de participar da gestação desta linda gueixa me surpreendi com o resultado. Chiara, seu bordado contém muito de sua delicadeza de alma, suavidade de gestos e ternura incontida. Beijos minha linda pupila...

    ResponderExcluir
  5. Chiara, são bordados como os seus e das outras artistas e colegas bordadeiras que farão com que estes trabalhos sejam vistos como merecem: obras de arte, frutos da inspiração e transpiração de mentes e mãos criativas e sensíveis (independente da idade do autor).
    Aproveito para elogiar a delicadeza e beleza de seu bordado: demais! Beijocas - LUCIANA BRAVO

    ResponderExcluir
  6. Gente,
    Estou sem palavras...
    Que emoção, não espera tudo isso!
    Muito, muito obrigada a todas!
    saudades!
    Bjo grande!

    ResponderExcluir
  7. Chiara,
    Lindo bordado, lindo texto, faz jus a você! Continue bordando e escrevendo lindamente.
    Beijo,
    Suiang

    ResponderExcluir
  8. Querida Chiara,
    seu bordado traduz o que você tem de mais bonito, a idade do bordar é eterna, transpassa gerações e o que é belo é para ser expressado, não tem tempo.
    Continue nos presenteando com suas criações, contamos com você!
    Beijos
    Ana Medina

    ResponderExcluir